Saúde e Bem-estar

AVC é a principal causa de mortes no Brasil

11views

O AVC, Acidente Vascular Cerebral, é a doença que mais matou no primeiro semestre de 2022 no Brasil e é a maior causa de incapacidade no mundo.

As pesquisas mostram que 70% das pessoas que sofrem um AVC não voltam ao trabalho e cerca de 50% ficam dependentes de outras pessoas para realizar as atividades do dia a dia.

Apesar dos números alarmantes, o controle dos fatores de risco pode reduzir em até 90% os casos de AVCs.

O que é o AVC?

 É uma alteração aguda da circulação do cérebro, por uma oclusão ou entupimento de uma artéria do cérebro, como um cano entupido, ou por um extravasamento de sangue no cérebro, como uma mangueira vazando, pela ruptura de um vaso.

Quais os tipos de AVC?

 Acidente Vascular Cerebral Isquêmico, AVCI, ocorre quando o fluxo de sangue é interrompido por uma placa de gordura ou trombo, causando falta de oxigênio e glicose na região do cérebro afetada. O AVC Isquêmico é responsável por 85% dos casos de AVCs.

Acidente Vascular Cerebral Hemorrágico, AVCH, ocorre quando um vaso se rompe, causando derramamento de sangue no interior do cérebro.  O AVC Hemorrágico é responsável por 15% dos AVCs e a sua causa está associada à ruptura de aneurisma cerebral, outras malformações vasculares e crise de pressão alta.

Como suspeitar de um AVC?

Quanto mais cedo for diagnosticado o AVC, mais cedo será realizado o tratamento, que terá um impacto significativo na sua vida ou na vida de outra pessoa.

Preste atenção aos seguintes sintomas:

  • Fraqueza ou dormência de um lado do corpo
  • Dificuldade para falar
  • Perda de visão em um dos olhos ou em um campo visual
  • Boca torta
  • Tonturas e desequilíbrio

Como diminuir o risco de ter um AVC?

– Controlar os níveis de pressão arterial, reduzindo a ingestão de sal e uso de medicação corretamente, se necessário;

– Controlar o colesterol, reduzindo a ingestão de gorduras e uso correto da medicação, quando necessária;

-Controlar o peso;

-Fazer exercícios físicos diariamente;

-Não fumar, não beber, não usar drogas ilícitas, como a cocaína, que está associada ao aparecimento de um AVC;

-Alguns anticoncepcionais podem favorecer o aparecimento do AVC, principalmente nas mulheres fumantes, hipertensas e que sofram de enxaqueca. Discuta com o seu médico o melhor método para não engravidar.

Qual o tratamento do AVC?

O tratamento do AVC depende do tempo do diagnóstico da doença, que é realizado através de uma tomografia de crânio. Em alguns casos, o uso de ressonância de encéfalo pode ser necessário. O mais importante é que o tratamento seja realizado o mais precoce possível, pois a cada minuto sem circulação, são perdidos 2 milhões de neurônios.

Existem dois tipos de tratamento:

 1.Uso de trombolítico endovenoso: até 4 a 5hs do início dos sintomas, a injeção do trombolítico pode desmanchar trombos que estão obstruindo as artérias do cérebro.

2.Trombectomia mecânica: pode ser utilizada até 24hs após o início dos sintomas, devendo ser realizada o mais breve possível. É um procedimento realizado em sala de hemodinâmica que retira o trombo ou placa que está entupindo a artéria, através da passagem de um stent, que incorpora o trombo nas suas malhas, o qual é retirado juntamente com o stent. Também é possível realizar a Trombectomia através de um cateter que aspira o trombo. Na maioria das vezes, as duas técnicas são utilizadas juntas.

Qual o melhor tratamento de AVC?

 Sem dúvida, o melhor tratamento do AVC é a sua prevenção, que pode ser feita através da mudança do estilo de vida e controle da pressão alta, diabetes e colesterol elevado.

Apesar de todas as medidas para reduzir o risco de ter um AVC, muitas pessoas não conseguem minimizar a doença e, dependendo da área cerebral afetada pela obstrução do vaso, as sequelas ocorrerão. Nesse momento, toda a equipe de AVC, que é multidisciplinar, se concentra nos programas de reabilitação, ajudando o paciente a retomar suas atividades do dia a dia, bem como a melhora das funções comprometidas.

 

Dra. Daniela Teixeira

Neuro Vascular

CRM 20093

 

Deixar uma resposta