Artigo de opinião

ABUNDANCIA

50views

O termo “vida abundante” vem da Bíblia, consta no versículo João 10:10, “eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância.” Em abundância significa ter em grande quantidade de uma coisa. É o resultado do estado de prosperidade, riqueza e bem estar.

Refere-se à vida em sua plenitude de alegria e de força para a mente, o corpo e a alma.

Teoricamente ter uma vida abundante é uma coisa boa, quando se tem sabedoria.

Para muitas pessoas ter demais, por vezes é o seu martírio. Acreditam que tudo gira ao seu redor. Que o mundo todo lhe cobiça, ou que sua prosperidade lhe faz ser um ser humano melhor que os outros.

Aguar uma planta é importante, é vital, mas se for demais afoga. Não é sinal de amor e cuidado, e sim de exagero.

Tomar um remédio é bom e importante, mas se exagerar na dose, pode matar.

Quantas pessoas crescem, fazem sucesso, e não aproveitam a sua abundancia para o bem, com sabedoria e equilíbrio. Afundam-se em substancias para relaxar, para dormir, para desestressar, para emagrecer, para ficar ligado e assim, destroem toda a abundancia divina por não saber lidar com as emoções e com o próprio sucesso.

Muitos novos ricos não conseguem aproveitar suas conquistas pois vivem nas suas crenças limitantes de pobreza e acreditam que a qualquer momento podem perder tudo.

Uma alinha bem tênue que separa da avareza.

Conheci o Tio Patinhas quando criança, li tudo sobre ele e o Pato Donald que passava a vida inteira querendo aproveitar a fortuna do tio que vivia como pobre para não desperdiçar.

Fico pensando o quanto destruimos nossa abundancia de saúde, de alegria, de bem querer e da própria vida.

Tem gente que não reconhece sua abundancia, e talvez somente se conscientize quando acaba o seu tempo e não consegue mais usufruir das grandes dádivas.

Transbordamos o que temos de abundância, você já refletiu o que tem transbordado?

Medo? Escassez? Tristeza? Morte? Inveja?

Por vezes aceitamos os lixos transbordados dos outros. As amarguras, o pessimismo e a miséria interior. Mas é uma decisão pessoal em pegar para si o que tem de pior nos outros.

Somente uma coisa não temos abundancia, é o tempo. Ele tem finitude, e a qualquer momento acaba aqui na TERRA.

Então amados leitores, usufruem de sua ABUNDANCIA com sabedoria e transborde agora tudo que tiver dentro de você.

Seja o primeiro a jogar no outro a alegria e o desejo de viver em paz.

 

Silvana Maldaner

15.03.2022

Deixar uma resposta